“No meio do caminho tinha uma pedra” foi o tema do Núcleo de Contadores de História de julho



No dia 24/7, aconteceu mais um encontro do Núcleo de Contadores de Histórias, dessa vez, com o tema “No meio do caminho tinha uma pedra”. A atividade foi conduzida pela contadora e arte educadora, Carol Piscitelli, e contou com a participação de outros contadores: Ademir Apparício Júnior, Andrea Prior, Claudete Feijó, Cilla Amaral, Sandra Maurami Lidanayê e Mauricio Sterchele, que apresentaram formas de contar histórias.


Os convidados foram escolhidos para abordarem diferentes maneiras de se contar histórias: Andrea Prior é especialista em dança indiana e levou para o encontro histórias indianas que são contadas por Mudras – movimentos feitos com as mãos. Já o contador Ademir Apparício Júnior abordou o projeto que criou no YouTube com histórias contadas por indígenas, destacando o processo de criação do projeto e o alcance que as histórias podem chegar quando são lançadas na internet.


Outra contadora que participou do encontro foi Cilla Amaral, que interpretou um palhaço. Mauricio Sterchele abordou as dificuldades que encontrou durante a pandemia para se adaptar ao mundo digital. Claudete Feijó, participante do Núcleo de Contadores de Histórias há muitos anos, falou da sua experiência em edição, locução e o uso de aplicativos para trabalhar sozinha em casa durante a pandemia. E, por fim, a contadora Sandra Maurami Lidanayê mostrou como que a contação de histórias pode ser usada no mundo corporativo.


Para assistir ao encontro na íntegra, basta acessar o vídeo.

botao_fixo.png