top of page

Obra de Magda Szabó foi tema de debate


O Clube do Livro, tradicional encontro da Fundação do Livro, debateu no dia 27 de maio, a obra “A Porta”, de Magda Szabó (1917-2007). O encontro, conduzido pela bibliotecária, Gabriela Pedrão, aconteceu de forma on-line, através da plataforma de reuniões ZOOM.

O romance que chegou no Brasil apenas em 2012, cinco anos após a morte da escritora húngara, debate conflitos e questões da personagem principal que se misturam com a história da Hungria. Como uma autobiografia da escritora, com algumas partes de ficção, “A Porta” tem um tom de mistério e conta a história de uma relação de dependência entre duas mulheres na Budapeste dos anos 1950: Magda e sua governanta, Emerenc.

Gabriela Pedrão estava ansiosa para apresentar a obra, principalmente pelos aspectos históricos que o romance traz. “A obra mostra questões interiores e pessoais da personagem. Isso misturado ao enredo resultou em um bom bate-papo”, revelou Gabriela.


O próximo encontro do Clube do Livro será no dia 24 de junho, às 16h, também on-line, com uma discussão da obra de Martha Batalha, “A vida invisível de Eurídice Gusmão”.

Comments


botao_fixo.png
bottom of page